Fatos Masculinos

Reposição Hormonal em Homens: Melhores opções de remédios, benefícios e efeitos colaterais!

reposicao hormonal masculina sintomas

Se você sente que está precisando fazer uma reposição hormonal masculina, este conteúdo é tudo o que você precisa agora.

Vamos citar as melhores opções de remédios, tratamentos, benefícios e efeitos colaterais.

Antes de tudo, vamos entender mais sobre a reposição hormonal do homem.

O que é a reposição hormonal masculina?

A reposição hormonal para o homem é indicada, principalmente para tratamento da andropausa, este é um distúrbio que baixa a produção de testosterona, normalmente se inicia a partir dos 40 anos.

Este problema causa: diminuição da libido, ganho de peso e irritabilidade.

É importante que você saiba que aos 30 anos o homem começa a ter uma queda no seu nível de testosterona, mas isso não quer dizer que você já deva começar um tratamento sintético hormonal.

Saiba que se você usar a testosterona sintética, antes dos 40 anos — que é a idade indicada — você corre riscos de saúde.

A indicação dos médicos é que você somente faça este tratamento após os 40 anos, e somente se os sintomas forem realmente incômodos e intensos, trazendo desconforto.

Se você estiver passando por isto, vá ao seu urologista e realize os exames necessários para saber a sua dosagem de testosterona no corpo e a partir daí, iniciar um tratamento.

quando a reposicao hormonal e indicada

Quando a reposição é indicada?

Sabemos que a queda hormonal do homem, acontece a partir dos 30 anos, mas nem todos devem começar o tratamento de testosterona após essa idade, é de suma importância marcar uma consulta com o urologista para avaliar os níveis de testosterona no organismo, desta forma, fica mais fácil definir se você já deve iniciar à reposição hormonal masculina, normalmente feita por conta da andropausa.

Os principais sintomas relacionados à diminuição da produção de testosterona são:

  • Diminuição da libido;
  • Perda de pelos, no corpo;
  • Aumento do peso;
  • Diminuição da musculatura;
  • Insônia;
  • Aumento da irritabilidade;
  • Dificuldade de ter ereção rígida.

A partir do momento em que o médico sabe desses sintomas, ele logo pedirá alguns exames  de sangue, no intuito de avaliar o seu nível de saúde.

Normalmente esses exames são solicitados para saber os níveis de testosterona livre e total, FSH, LH, PSA e prolactina.

A prolactina é um hormônio produzido mais nas mulheres, principalmente para ajudar na produção do leite durante a gravidez, mas dependendo dos seus níveis no homem, ele poderá indicar alguma disfunção masculina.

Saiba mais: sobre o exame de prolactina no homem aqui!

Quais são os valores normais da testosterona no homem?

Os valores normais da testosterona no sangue masculino são entre 241 e 827 ng/dL, no caso da testosterona livre, e, no caso da livre em homens entre homens de 41 e 60 anos gira em torno de 2,57 – 18,3 ng/dL .

Já em homens acima de 60 anos os números giram em torno de: 1,86 – 19,0 ng/dL.

De acordo com esses números, caso menores, o homem poderá saber que possui uma produção menor de testosterona pelos testículos, podendo ser pedido pelo médico que seja feita a reposição hormonal masculina.

Saiba tudo sobre a testosterona.

Remédios para reposição hormonal masculina

A reposição hormonal do homem deve ser feita de acordo com a orientação do médico especialista, normalmente o urologista é o médico mais indicado.

Somente este médico é o indicado para lhe prescrever remédios como:

  • Comprimidos de acetato de ciproterona, acetato de testosterona ou undecanoato de testosterona como o Durateston;
  • Gel de dihidrotestosterona;
  • Injeções de decanoato, cipionato ou enantato de testosterona, normalmente aplicadas 1 vez ao mês;
  • Implantes ou adesivos de testosterona.

Existem alguns hábitos que também podem melhorar os sintomas da andropausa, — equivalente à menopausa nas mulheres — um dos principais fatores para melhorar os níveis de testosterona e para diminuir os sintomas da falta do hormônio são:

  • Parar de fumar;
  • Não beber bebidas alcoólicas — salvo 100 ml de vinho diariamente, pois, faz bem para o organismo;
  • Ter uma alimentação saudável;
  • Praticar exercícios físicos;
  • Reduzir a quantidade de sal na comida;
  • Evitar comer alimentos com muita gordura.

Usar suplementos polivitamínicos, que contenham vitaminas, minerais e antioxidantes, como o Azplex (medicamento de vitaminas e minerais de A a Z), também poderá ajudar e muito a controlar a taxa de testosterona baixa.

Um remédio que indicamos fortemente que você conheça e acessa tanto a reportagem quanto a página oficial é o ULTRA BULL POWER.

Este medicamento tem sido usado por vários homens e os resultados são notáveis, nós testamos o produto e se você quer conhecer um pouco mais sobre, nós o testamos e mostramos isso em um artigo completo.

Você vai achar este conteúdo na parte de conclusão deste texto, antes disto, conheça a página oficial do produto aqui: ACESSE A PÁGINA OFICIAL DO BULL POWER AQUI!!!

REPORTAGEM COMPLETA SOBRE O PRODUTO AQUI!!!

niveis de testosterona normais

Efeitos colaterais comuns

Lembre-se: a reposição hormonal masculina de testosterona somente deve ser feita através de orientação médica, jamais deve ser utilizada para o intuito de aumentar massa muscular, podendo causar desta forma, danos seríssimos à sua saúde, tais como:

  • Aumento do risco de doença cardiovascular;
  • Aumento da toxicidade do fígado;
  • Aumento anormal da mama ou aparecimento de câncer de mama;
  • Aparecimento ou piora da apneia do sono;
  • Agravamento de câncer na próstata;
  • Acne e oleosidade da pele;
  • Reações alérgicas na pele, devida aplicação do adesivo.

Reposição hormonal causa câncer?

A reposição hormonal masculina em si, não provoca o câncer, mas, poderá ter a doença agravada, homens que possuam este problema ainda pouco desenvolvido.

Curiosidades sobre a reposição hormonal do homem!

A reposição hormonal masculina é um tema considerado repleto de tabus e dúvidas por muitos homens.

Abaixo, você pode conferir 6 fatos sobre este assunto complexo para o sexo masculino:

  1. A diminuição da produção do hormônio masculino (deficiência androgênica) atinge cerca de 15% dos homens entre 50 e 62 anos, chegando a 55%, ou mais, nos homens com 80 anos.
  2. Durante o envelhecimento do homem, ocorre uma diminuição gradativa dos níveis de testosterona. Com este acontecimento natural, vão surgindo sintomas que podem indicar a necessidade de reposição hormonal.
  3. Os principais sintomas que podem sugerir a reposição do hormônio testosterona são: declínio da libido sexual; dificuldade em deixar o pênis duro; falta de concentração e capacidade intelectual; perda de pelos; ganho de peso à custa de gordura; diminuição de massa e força muscular; irritabilidade e insônia; entre outros. Os sintomas não são específicos e podem ocorrer em outras condições, que fazem parte da deficiência de testosterona.
  4. diminuição de produção de testosterona no homem, é diferente da Menopausa no sentido da fertilidade, ao contrário das mulheres, nos homens, apenas há uma diminuição da fertilidade.
  5. As medicações para reposição hormonal masculina não devem ser usadas para ganho muscular ou melhora do desempenho atlético de maneira abusiva. Elas podem causar graves efeitos colaterais e sérios danos à saúde.
  6. Quando é feita com acompanhamento médico, a reposição hormonal masculina vai trazer vários benefícios, como melhora da libido, perda de peso, aumento da massa muscular e da densidade óssea.

Conclusão

E aí, gostou do conteúdo? Se sim e acha que este texto realmente te ajudou, compartilhe com seus amigos nas redes sociais.

Ficamos felizes em poder ajudar o máximo de homens possíveis.

E você, como andam seus níveis de testosterona? Já parou para avaliar?

Se você sente alguns dos sintomas citados neste texto, talvez você deva iniciar um tratamento com o BULL POWER, um medicamento natural, que aumenta os níveis de testosterona, aumentando também o apetite sexual, força, trazendo uma ereção realmente rígida.

Talvez você deva conhecê-lo, antes de tomar qualquer atitude sobre tratamento sintético da testosterona.

Diego Brasileiro

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre o Escritor:

Diego Brasileiro

Um novo jeito de escutar música: Amazon Music