Fatos Masculinos

Disfunção Erétil: Tudo o que você precisa saber

disfuncao eretil

Um dos problemas sexuais masculinos que podem destruir a autoestima de um homem é a disfunção erétil.

Muitas especulações, possíveis curas e formas de tratamentos inviáveis são ditas pela internet.

Nós estamos aqui para desmistificar e trazer todos os detalhes “reais” sobre este problema que pode ser resolvido.

Após essa leitura simples e rápida, você saberá eexatamente o que fazer para ter sua ereção rígida novamente.

O que é disfunção erétil (DE)?

A disfução erétil é a falta de capacidade de ter ou manter uma ereção rígida o suficiente para ter relações sexuais.

A impotência sexual é a própria disfunção erétil, por mais que o primeiro termo seja usado muito menos nos dias de hoje.

Uma disfunção erétil ocasional não é incomum como imaginam por aí, ela pode acontecer principalmente em períodos de estresse excessivo.

Já uma disfunção erétil frequente, entretanto, pode ser um sinal de doença precisando de tratamento.

Além dos problemas físicos que o homem pode ter, existe também a disfunção erétil psicológica, podendo estar relacionada com fatores emocionais.

Como a ereção acontece?

A disfunção erétil pode acontecer em qualquer estágio de ereção devido a problemas.

A ereção acontece através do aumento do fluxo sanguíneo na região peniana.

Os pensamentos sexuais estimulam a circulação de sangue no pênis ou até mesmo com contato direto no pênis.

Apesar do pênis ficar rígido, antes disso acontecer os músculos do pênis passam por um relaxamento, possibilitando o fluxo sanguíneo chegar nas artérias penianas.

Esse fluxo sanguíneo entra em contato com as câmaras que ficam no interior do pênis, conhecidas como corpos cavernosos.

Quando as câmaras enchem de sangue o pênis fica ereto.

O fim da ereção acontece quando há contração dos músculos penianos e o sangue que ali circulava começa a ir para outras partes do corpo.

Sintomas de disfunção erétil (DE)

Você pode ter DE se sentir:

  • dificuldade em obter uma ereção;
  • dificuldade em manter uma ereção rígida durante a prática de atividades sexuais;
  • interesse sexual reduzido.

Outros distúrbios sexuais relacionados a disfuncção erétil podem incluir:

  • ejaculação precoce;
  • ejaculação atrasada;
  • anorgasmia ou incapacidade de atingir o orgasmo após estimulação sexual ampla.

Se você notar alguns dos sintomas acima, converse com seu médico, principalmente se você tiver sentido durante 3 meses ou mais.

O médico poderá informá-lo sobre seus sintomas e se existe alguma causa subjacente que requerirá tratamento.

Leia também: Remédios para ejaculação precoce – Eles existem? Quais os melhores?

Causas da disfunção erétil

Muitas causas podem estar ligadas diretamente com a disfunção erétil, podendo incluir condições físicas ou emocionais. As causas mais comuns incluem:

  • ansiedade;
  • baixos níveis de testosterona ou outros desequilíbrios hormonais;
  • certas condições de saúde, como doença de Parkinson ou esclerose múltipla;
  • certos medicamentos prescritos, como aqueles usados ​​para tratar pressão alta ou depressão;
  • consumindo muito álcool;
  • colesterol alto;
  • danos na área pélvica por lesão ou cirurgia;
  • depressão;
  • doenca renal;
  • diabetes;
  • doença cardiovascular;
  • doença de Peyronie , que causa o desenvolvimento de tecido cicatricial no pênis;
  • distúrbios do sono;
  • estresse;
  • hipertensão ou pressão alta;
  • idade aumentada;
  • obesidade;
  • problemas de relacionamento;
  • uso de drogas;
  • tabagismo.

A disfunção erétil poderá ser causada por vários desses fatores ou por apenas um deles.

Por este motivo é importante que você converse com seu médico para poder encontrar o fator principal da sua causa e elimintar todos os outros.

Esse processo será a forma ideal para encontrar a cura para a disfunção erétil.

Disfunção erétil tratamento

O tratamento para disfunção erétil será realizado após a causa da disfunção erétil ser encontrada.

Muitas vezes o paciente passa por uma combinação de tratamento, incluindo terapia de conversação ou medicamentos indicados pelo médico.

Disfunção erétil medicamentos

Medicamentos podem ser prescritos para ajudar você a gerenciar os sintomas da disfunção erétil.

Saiba que vários medicamentos podem ser usados até que um deles venha a funcionar.

A seguir você conhecerá os principais medicamentos orais para estimular o fluxo sanguíneo no pênis e ajudar no tratamento da disfunção erétil:

Outro remédio para disfunção erétil bastante utilizado no tratamento da disfunção erétil é o alprostadil (MUSE, Edex, Caverject).

Este medicamento poderá ser utilizado pelo paciente de duas formas: através de injeção na lateral ou base do pênis, ou como um supositório peniano.

Outra forma de tratamento médica é a terapia com testosterona.

Saiba que medicamentos usados para tratar a disfunção erétil podem causar alguns efeitos colaterais.

Caso algum efeito colateral desagradável aparecer, converse com seu médico e explique o que está acontecendo. Um medicamento diferente poderá ser recomendado.

Disfunção erétil psicológica e a Terapia de Conversação

Como falamos anteriormente, problemas psicológicos podem causar a disfunção erétil.

Vários fatores podem estar ocasionando a falta de ereção, incluindo:

  • ansiedade;
  • depressão;
  • estresse;
  • transtorno de estresse pós-traumático.

Caso você esteja passando por uma disfunção erétil psicológica, uma terapia de conversação poderá lhe beneficiar.

Durante as sessões da terapia de conversasção, seu terapeuta e você falarão sobre:

  • conflitos psicológicos infiltrados em seu subcosciente que podem estar afetando seu bem-estar sexual;
  • principais fatores de ansiedade ou estresse;
  • seus sentimentos e preocupações em relação ao sexo.

Se sua DE estiver afetando diretamente o seu relacionamento, considere entrar em contato com um terapeuta de casais também.

O aconselhamento do terapeuta de casais pode ajudar você e sua parceira a se reconectarem emocionalmente, o que será mais um fator que ajudará na DE.

Bombas de vácuo

Neste tipo de tratamento para disfunção erétil será utilizada um dispositívo de bomba de vácuo para estimular a sua ereção.

Este tratamento utiliza a criação de um vácuo para estimular uma ereção. Sangue é atraído para o pênis enquanto o dispositivo é usado, levando a uma ereção.

Um dispositivo de bomba de vácuo consiste em alguns componentes diferentes:

  • um tubo de plástico que você colocará no pênis;
  • uma bomba peniana, que trabalha para criar o vácuo, retirando o ar do tubo de plástico;
  • um anel elástico, que você irá mover para a base do seu pênis ao remover o tubo de plástico.

Para manter a areção é usado um anel elástico, o que mantêm o o fluxo de sangue no pênis e impede que ele retorne a circulação para o resto do corpo.

O dispositivo pode ser deixado no pênis por até 30 minutos.

Leitura indispensável: Bombas a vácuo – como usá-las? quanto custa? funciona?

Exercícios para disfunção erétil

Além  das opções anteriores você poderá melhorar a qualidade do seu tratamento através da ajuda de exercícios para disfunção erétil.

Nas próximas sessões iremos listar os principais exercícios para disfunção erétil, veja:

Exercícios de Kegel

Os exercícios de Kegel são mais conhecidos nos dias de hoje e são simples.

Esses exercícios ajudam a fortalecer os músculos situados no assoalho pélvico.

Veja como praticar esses exercícios logo abaixo:

  1. Identifique o local dos músculos do assoalho pélvico. Para encontrá-los, pare de fazer xixi no meio do processo;
  2. Os músculos usados para urinar são os músculos do assoalho pélvico;
  3. Agora contraia os músculos que você acabou de descobrir durante 3 segundos. Depois solte-os;
  4. Repita este procedimento de exercício para disfunção erétil de 10 a 20 vezes seguidas, faça 3 vezes ao dia.

Um estudo feito pela Universidade do Oeste do Reino Unido constatou que exercícios pélvicos reduzem em pelo menos 40% a DE.

Além disto, este mesmo estudo comprovou que é possível melhorar cerca de 33,5% a ereção do paciente.

Se você adicionar um gel para disfunção erétil, spray para disfunção erétil ou o novo medicamento para disfução erétil 2020 terá efeitos incrívelmente mais rápidos.

Leia também: Remédios caseiros para disfunção erétil – a melhor lista

Exercício aeróbico

Fazer exercícios aeróbicos não é apenas benefício para sua saúde geral, mas também auxilia o fluxo do sangue no seu corpo, ajudando a sua DE.

Alguns dos melhores exercícios para quem está sedentário é natação e corrida leve.

Um estudo realizado pela American Journal of Cardiology confirma a eficácia do exercício aeróbico para combater a DE.

Antes de tomar essa decisão, fale com seu médico sobre os exercícios e discuta com ele as melhores opções para você.

Isso será mais importante ainda, caso você tenha algum problema cardíaco ou alguma outra condição subjacente que possa agravar com práticas de exercícios vigorosas.

Yoga

Yoga é uma atividade que pode lhe ajudar a relaxar o seu corpo e sua mente.

Muitos casos de disfunção erétil é por conta de ansiedade ou estresse, praticar yogra pode ser uma forma de você melhorar o seu quadro de DE.

Alimentos para disfunção erétil

Como a disfunção erétil de maneira geral, está relacionada com problemas de fluxo do sangue até o pênis, manter a saúde dos seus vasos sanguénos pode melhorar a sua situação atual.

Uma dieta equilibrada e saudável é uma excelente escolha para qualquer pessoa, principalmente se você tiver disfunção erétil.

Algumas etapas simples de aliemtanção podem lhe ajudar a reduzir as chances ou seu qudro de DE, confira:

  • Coma grãos integrais, frutas, verduras e legumes;
  • Se você bebe álcool, reduza o consumo;
  • Diminua o consumo de carnes vermelhas, laticínios integrais e alimentos com grande quantidade de açúcar.

Diversos alimentos podem lhe auxiliar nos problemas de disfunção erétil, da melancia ao cacau.

Pesquise mais sobre o tema e inclua esses alimentos na sua dieta.

Para alguns homens, remédios naturais podem ajudar a tratar a disfunção erétil.

Acupuntura

A acumputura é um tipo de medicina tradicional da China. Neste tipo de tratamento são inseridas agulhas na pele do paciente em lugares específicos.

Acredita-se que a acupuntura funcione através da estimulação nervosa, que afeta a liberação de neurotransmissores.

Ainda não é claro como a acupuntura pode ajudar a tratar a disfunção erétil. Existem estudos sobre o assunto, mas eles são limitados.

Massagem Prostática

A massagem prostática é uma forma de massagem terapêutica, ela pode ser usada para a DE.

Além da massagem prostática, normalmente são combinados outros tipos de tratamentos.

Durante o procedimento da massagem, o médico irá massagear os tecidos ao redor e dentro da virilha, o intuito é melhorar o fluxo sanguíneo até o pênis.

Poderá ser necessário fazer a massagem prostática diversas vezes por semana.

Em média este tratamento dura 3 meses, mas isso vai depender do seu quadro clínico.

Cirurgia para disfunção erétil

Caso os medicamentos para disfunção erétil não atinjam bons resultados, seu médico poderá recomendar um procedimento cirúrgico.

Há dois tipos de cirurgias para disfunção erétil: cirurgia vascular e implantes penianos.

O implante peniano também é conhecido com “prótese peniana”. Neste procedimento será alocada uma prótese no pênis.

Existem dois tipos diferentes de prótese peniana: uma inflável, onde uma bomba será colocada para aumentar o pênis e o implante maleável que permitirá ajustar a posição do pênis e a qualidade da ereção manualmente.

No caso da cirurgia vascular, as artérias serão reparadas, as mesmas podem estar bloqueadas.

Esse procedimento irá ajudar a restaurar o fluxo sanguíneo até o pênis. Quanto mais jovem o homem, melhor é o resultado.

Todo procedimento cirúrgico tem suas vantagens e desvantagens. Discuta todas as questões com seu médico e veja se essa é realmente a única alternativa.

Veja abaixo uma das alternativas que mais está se adequando com eficácia as condições de recuperação na regidez na ereção dos homens.

Faloprótese

A faloprótese é um dos métodos atuais mais populares, eficazes e seguros para que o homem consiga restaurar a rigidez de suas ereções.

Este método é um dos mais notáveis e seguros do momento, isso aconteceu graças ao progresso tecnológico e científico.

Um demasiado número de implantes de vários parâmetros e características foi desenvolvido e isso ajudou muito.

Um paciente com problemas de ereção, pode facilmente escolher a prótese que acreditar corresponder melhor com às características anatômicas de um organismo em particular.

Após o procedimento de faloprótese, é praticamente impossível perceber a presença de uma prótese no corpo peniano – ela repete com total precisão a estrutura anatômica do pênis.

Graças aos diagnósticos precisos e à materiais de alta qualidade, a sensibilidade do homem não diminui, a ejaculação, assim como a excitação sexual e o orgamo são preservados.

Depois da faloprótese, a ação do implante obtido em termos de funcionalidade é semelhante ao do osso do pênis em certos tipos de mamíferos.

O designe das próteses usadas são impecáveis e duráveis.

Em cerca de 95% dos casos, após o procedimento protético, o homem poderá levar uma vida sexual completa.

A chave para todo o sucesso do procedimento está no diagnóstico preciso e o implante ideal selecionado.

Vale comentar que o procedimento de faloprótese não permite o aumento peniano, sendo necessário outro tipo de intervenção cirúrgia para tal.

Indicações para realizar a Faloprótese

Entre as principais indicações para o procedimento protético estão:

  • disfunção erétil;
  • doenças do sistema reprodutivo;
  • malformação congênita do pênis;
  • fibrose cavernosa;
  • complicações após a cirurgia nos órgãos pélvicos e outros.

No caso da impotência sexual psicológica ou psicogênica, a aplicação das próteses no pênis somente serão realizadas se os tratamentos anteriores não tiverem resultados positivos.

Variedades de próteses

Atualmente existem três tipos de implantes usados para a faloprótese: corpo plástico, inflável e semi-rígido. Considere os detalhes abaixo.

  • Prótese de corpo plástico:

Eles são uma estrutura de silicone, dentro da qual existe uma haste de metal.

Este eixo fornece à prótese uma memória plástica para que o pênis possa manter sua posição.

Vantagens: conveniência, aparência natural estética do pênis, proporcionam um estado de ereção estável.

Desvantagens: o custo está acima da média.

  • Semi-rígida:

Feito na forma de hastes de silicone (macias) de plástico.

Após a instalação, o pênis adquire a rigidez e a forma necessárias.

Entre as vantagens: baixo preço, simplicidade de design, facilidade de operação.

Desvantagens: a adaptação sexual é difícil devido à falta de memória plástica e densidade variável na prótese.

  • Inflável:

Essas próteses de alta qualidade e alta precisão repetem a forma do pênis em repouso e durante a excitação (ereção).

Após a operação, o homem retorna totalmente à função sexual e torna-se possível levar uma vida sexual plena e ativa.

Vantagens: a pressão mínima da prótese nos tecidos circundantes, a falta de desconforto, não perturba a circulação sanguínea, é garantida uma ilusão completa de uma ereção natural.

Desvantagens: alto custo e complexidade da operação.

Disfunção erétil tratamento natural

Além dos tratamentos tradicionais que existem hoje, outras fórmulas mais novas estão sendo elaboradas por grandes cientistas.

Essas novas técnicas visam acabar com efeitos colaterais e trazer uma ereção mais poderosa.

Nas próximas sessões você conhecerá os melhores medicamentos para disfunção erétil em 2020.

Novo medicamento para disfunção eretil 2020

Um novo medicamento para disfunção erétil saiu agora em 2020. Ele tem sindo mais eficaz do que medicamentos tradicionais e seus efeitos são muito rápidos.

O mais bacana deste novo medicamento feito por médicos holandeses é que ele é natural e não causa efeitos colaterais.

Seu nome é LibidMan Caps, ele vem em um frasco com 60 cápsulas e vem ajudando já ajudou vários homens dos EUA, Europa e agora chegou ao Brasil.

Ele é indicado por médicos sérios e tem sindo uma alternativa com excelente preço e resultados.

Se você quer resultado garantido e não quer se preocupar com efeitos colaterais, esta é a melhor opção em cápsulas para disfunção erétil no momento.

Acesse o site oficial e conheça melhor o medicamento natural para disfunção erétil: Site Oficial do LibidMan Caps!

Acesse também o artigo médico falando sobre a descoberta dos médicos holandeses: Reportagem LibidMan Caps!

Este medicamento é considerado atualmente o melhor remédio para disfunção erétil em cápsulas.

remedio para disfunção eretil em spray

Gel para disfunção eretil

Um medicamento para disfunção erétil em gel vem causando alvoroço no Brasil após a sua chegada dos EUA.

Ele vem sendo usado como forma de tratamento para DE há cerca de 2 anos e dentro deste período sua fórmula vem sendo aprimorada.

Este produto é um gel para disfunção erétil e ele possui uma fórmula poderosa.

Homens que usaram falaram sobre esquentamento no pênis, aumento da potência sexual e aumento peniano.

Este medicamento pode ser usado diariamente de forma simples e não possui efeitos colaterais.

Ele foi preparado por médicos e cientistas americanos experientes que durante anos buscaram a fórmula secreta para acabar com a disfunção erétil.

O seu nome é Macho Man Adulto, um gel peniano potente e fácil de aplicar.

Acesse o site oficial do produto através deste link: Site Oficial Macho Man Adulto Original!

Acesse um artigo médico onde o doutor Carlos Harford dá uma entrevista falando sobre o produto: Entrevista Doutor Carlos Harford!

Leia também: Como aumentar o pênis em 48 dias: Técnicas Inéditas

Spray para disfunção erétil

Muitas perguntas sobre os novos sprays para disfunção erétil são feitas pela internet.

O difíficl não é nem responder essas perguntas, mas sim achar algum produto que funciona de verdade.

Depois de muita busca e de ver depoimentos sinceros de usuários de um spray para disfunção erétil, encontrei o Thor Hammer Gel.

O seu nome contém a palavra “gel”, pois ele é um spray em gel.

Depois de conhecer o novo medicamento natural para disfunção erétil eu conversei com alguns médicos especialistas e eles recomendaram o produto.

O Thor Hammer Gel aumenta o vigor, a força sexual, aumenta o pênis e reduz ataques de ejaculação precoce.

Este spray é poderoso e pode ajudar você, caso sofra com problemas de DE.

Acesse o site oficial do produto original e confira: Site Oficial Thor Hammer Gel!

Acesse o artigo médico publicado pelo doutor Baumant: Artigo Cienfítico Doutor Baumant!

Disfunção erétil em jovens

Apesar que a disfunção erétil ataque principalmente homens acima de 45 anos, existe disfunção erétil em jovens.

Na maioria dos casos está relacionada a falta de maturidade sexual, asiedade excessiva na hora do ato sexual.

Homens mais novos, principalmente entre 18 e 24 anos se sentem precionados por uma parceira que eles tanto desejam, principalmente quando esta mulher é mais velha.

Além das causas psicológicas, causas físicas podem estar relacionadas, são mais raras mas isto é possível.

Volte para a sessão “causas da disfunção erétil” para poder saber quais são as principais causas físicas e psicológicas que atingem os homens mais jovens.

Testes de disfunção erétil (DE)

O teste de DE pode conter diversas etapas, incluindo histórico sexual, avaliação da saúde física e psicológica.

Alguns testes adicionais poderão ser realizados buscando determinar quais os principais sintomas que podem estar causando a disfunção erétil.

Exame físico

O médico irá ouvir os seus pulmões e coração neste teste, ele verificará sua pressão arterial e fará um examente no pênis e nos testículos.

Além desses exames físicos poderá ser necessário um examente retal para verificar a sua próstata.

Leia também: Câncer de Próstata – um guia completo!

Exame psicológico

No exame psicológico para DE o seu médico irá fazer perguntas em um questionário que vocêirá preencher.

Neste questionário terá os sintomas, histórico sexual e histórico de saúde.

A partir das respostas o médico poderá dar uma avaliação mais assertiva do seu caso.

Algumas perguntas frequentes no exame psicológico são:

  • Há quanto tempo você notou a DE? Ela acontece de forma gradual ou de repente?
  • Você tem problemas para sentir desejo sexual, atingir o orgamos ou de ejaculação precoce?
  • Você faz sexo com frequência? Qual a frequência da sua atividade sexual? Você mudou recentemente essa frequência?
  • Qual é a firmeza da sua ereção? Você é afetado por alguma situação ou tipo de estímulo específico?
  • Você acorda no meio da noite ou na parte da manhã com ereção?
  • Como está a sua relação atual com sua parceira? Quais as expectativas vocês possuem um do outro? Sentiu alguma mudança no relacionamento?
  • Você sofreu algum estresse recentemente?
  • Que medicamentos você vem tomando ultimamente? Você fuma cigarro comum, medicamentos sem receita ou ingere álcool?
  • Você tem alguma condição de saúde desfavorável ou precisou se submeter a uma cirurgia, ou tem lesão na região pélvica?

Leia também: Pênis dormente – não sinto meu pênis!

Outros testes para DE

O seu médico poderá solicitar alguns outros testes adicionais para ajudar a identificar a sua disfunção erétil. Eles podem incluir:

  • Exame de urina: usado frequentemente para verificar se há diabetes e outras condições de saúde que estão lhe afetando;
  • Exame de sangue: assim como o exame de urina, o exame de sangue serve para verficar a diabetes, problemas de tireoide, doenças cardíacas e níveis de testosterona;
  • Teste de injeção: nesta teste um medicamento será injetado na região do pênis estimulando a ereção. Este fator irá permitir que o médico possa verificar a firmeza da sua ereção e quanto tempo de duração ela tem;
  • Teste de tumescência peniana noturna: neste teste é usado um dispositivo portátil, ele é alimentado por bateria e colocado na sua coxa. Ele avalaia a qualidade da sua ereção noturna. Este dispositivo armezada dados, onde o médico poderá ter acesso na próxima consulta;
  • Ultrassom: o ultrassom é usado para examinar os vasos sanguíneos do pênis e determinar se existe algum tipo de problema com o fluxo do sangue até os corpos cavernosos do pênis.

Todos esses testes são úteis para fazer uma avaliação no paciente e facilita a orientação do tratamento adequado.

Fatores de risco da disfunção erétil

Diversos fatores de risco podem piorar ou aumentar probabilidade de desenvolver a disfunção erétil.

Como falamos anteriormente, esses fatores estão principalmente relacionados aos problemas de fluxo sanguíneo. Outro fator poderá ser lesão.

O aumento da idade também é um fator de risco da DE. À medida que envelhecemos, podemos ter diminuição da qualidade da ereção.

Além disto, você pode perceber que um estímulo mais direto será necessário para manter ou desenvolver a ereção.

Fatores de risco da DE podem incluir:

  • ter problemas de saúde tais como: doença cardiovascular ou diabetes;
  • ter uma problemas psicológicos tais como: ansiedade ou depressão;
  • estar acima do peso, principalmente se for obeso;
  • sofrer de algum tipo de lesão na região pélvica – incluso procedimentos cirúrgicos;
  • tomar alguns medicamentos tais como: medicamentos para pressão arterial ou antidepressivos;
  • procedimentos para tratar câncer como a redioterapia;
  • fumar cigarro comum (vaporizador eletrônico não causa disfunção erétil);
  • usar drogas ou consumir álcool.

Leia também: Cigarro eletrônico faz mal? Um guia completo para tirar suas dúvidas agora!

Tenho 40 anos estou com disfunção erétil porque será?

Em média, 30 milhões de homens possuem disfunção erétil. Os problemas de ereção aumentam com a idade.

É estimado que a DE leve ou moderada atinga cerca de 10% mais a cada década de vida. Entretanto a disfunção erétil pode atingir homens mais jovens.

Um estudo realizado em 2013 salientou que 1 em cada 4 homens que procuram formas de tratamento para disfunção erétil estavam abaixo dos 40 anos de idade.

Uma relação entre os problemas de DE e o consumo de cigarro comum foram fortemente relacionados, além do uso de drogas se comparados aos homens mais velhos.

Isso mostra que o estilo de vida de cada indivíduo é um indicador importante para evitar problemas de disfunção erétil em homens mais jovens.

Embora saibamos que o risco da disfunção erétil aumente com a idade, a DE não é algo inevitável – você pode evitá-la adotando um estilo de vida adequado.

Em geral, quanto melhor é seu estilo de vida e sua saúde, melhor será a sua função sexual.

Leia também: Até que idade o homem tem ereção – o envelhecimento do homem e as suas funções sexuais.

Conclusão

Em muitos casos a disfunção erétil pode ser curada através de medicamentos naturais para disfunção erétil.

Certos exercícios e dispositivos como bombas penianas podem ajudar a obtenção da ereção mais rígida de forma temporária.

Independentemente da sua escolha, o ideal é se consultar e falar com seu médico antes de tomar alguma atitude impensada.

A disfunção erétil é mais comum do que você pensa e você não é o único com este problema.

É importante que você vá ao médico o quanto antes para poder ter bons resultados durante o tratamento.

Diego Brasileiro

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Conteúdos Exclusivos

Entre com seu melhor e-mail e receba conteúdos que você não encontra de graça por aí:

Desenvolvido por FeedBurner

Sobre o autor

Olá! Me chamo Rodolfo Medeiros e atualmente estudo a mente humana. Sou formado em psicologia e tenho me dedicado a entender comportamentos humanos específicos, a sexualidade e outros temas que iremos abordar aqui. Seja sempre muito bem-vindo aos Fatos Masculinos.

You cannot copy content of this page