Fatos Masculinos

Impotência: O guia completo sobre a disfunção erétil e impotência no homem

disfunçao eretil masculina o guia completo

Se você quer saber tudo sobre impotência sexual masculina (muito parecida com a disfunção erétil que vamos falar mais na frente), você precisa ler com calma e atenção esta matéria de hoje.

Vamos te revelar hoje um verdeiro guia completo sobre a impotência sexual do homem.

Há muito tempo, baseado no fato de que podem acontecer ereções noturnas de forma involuntária, Leonardo da Vinci, célebre mestre do Renascimento, tomou a conclusão que  o cérebro não tem a função de controlar o pênis, para ele, o órgão possui mente própria.

Enquanto dessecava cadáveres o grande da Vinci observou que o órgão sexual masculino endurecia quando se enchia de sangue, com isto ele descreveu o mecanismo de ereção.

Em partes o grande da Vinci estava correto, mas o fato de ser um órgão autônomo, ele estava enganado. O cérebro tem papel fundamental como mecanismo de ereção.

Como acontece a ereção?

Todo pênis normal é enervado por dois grupos de fibras nervosas.

Uma delas, carrega consigo sinais inibitórios que acabam por impedir a ereção; já a outra, exibe sinais de excitação que facilitam o processo.

Os dois sinais emitidos pelo cérebro fundense-se na medula, que fica localizada no centro da coluna vertebral.

Por este motivo, o pênis poderá enrijecer sem que o cérebro precise participar de forma direta, o que acontece é praticamente um reflexo na região da coluna comentada anteriormente.

Esses mecanismos cerebrais totalmente unificados acabam por permitir que o cérebro, através de circuitos de neurônio, provoque sinais excitativos e inibitórios no sentido de que o sangue seja encaminhado pelas artérias penetre nos corpos cavernosos, acabando por promover a ereção.

Quando esse mesmo sangue volta para a circulação geral do corpo, o pênis ficará flácido e consequentemente a ereção desaparece.

A falta de funcionamento correto neste sistema de integração corpórea causa as disfunções eréteis.

Somente agora nós sabemos informações mais detalhadas sobre este processo, até 10 ou 20 anos atrás eram apenas especulações.

Hoje em dia, depois de anos de estudo houve uma revolução nessa área, possibilitando assim um melhor entendimento sobre a fisiologia peniana e, de forma consequente, a descoberta de novos métodos farmacológicos e cirúrgicos para o tratamento da impotência.

Se você está com problemas de impotência ou acha que seu pênis é pequeno você precisa conhecer o Macho Man Adulto agora!

impotência sexual no homem

O que é a disfunção erétil?

Para que o homem seja considerado impotente, precisa ter a chamada disfunção erétil permanente. Este que um tipo de falha de ereção, podendo acontecer com qualquer homem, não existe um tipo específico que se enquadra nessa categoria.

No entanto, quando se trata de impotência sexual, muitas vezes estamos falando de outros tipos de manifestações da sexualidade do homem que muitas vezes não tem nada a ver com a ereção.

Exemplos claros disso são: falta de desejo sexual, ejaculação precoce ou ejaculação retardada.

Por este motivo, o termo “impotência sexual” fora substituído dentro de nossa literatura por disfunção erétil — que significa a incapacidade de conseguir ter ereções satisfatórias durante o ato sexual.

Existe alguns tipos de remédios para ereção masculina? Confira clicando no link e descubra a verdade!

Leia também: Remédio para disfunção Erétil os melhores do mercado!

A disfunção erétil atinge que universo de homens?

Em média, falando á nível mundial, cerca de 157 milhões de homens apresentam disfunção erétil.

No Brasil em média 10 milhões de homens vivem com este problema.

Se pegarmos todos os homens do mundo acima de 18 anos de idade, em média, 53% dos homens apresentarão algum grau de disfunção erétil: 11% representam os casos mais graves; 25%, os de disfunção erétil moderada e 18%, de pequenos casos de disfunção, conhecido também como disfunção mínima.

Causas da Disfunção Erétil

Logo abaixo você vai entender que tipo de problemas e vícios podem fazer com a disfunção erétil.

Quais são as principais causas da disfunção erétil?

Existem 4 principais causas da disfunção erétil. A que possui maior influência é a emocional, ela acaba atingindo hoje cerca de 71% dos homens. Os 29% que restam apresentam o que chamamos de: disfunção orgânica.

Este problema pode ser hormonal, vascular de origem arterial e, em números pequenos dentro desta porcentagem, resultado de alterações na anatomia peniana, como ocorre na doença conhecida como Peyronie.

fumar causa disfunção erétil

E o cigarro, poderá influenciar na ereção?

Já não é novidade que o cigarro causa impotência sexual no homem, você pode perceber que nos próprios cigarros isto já está estampado.

Vou citar aqui um trabalho que João Mário Reis fez em São Paulo para entendermos melhor este caso:

Foi feito um estudo em São Paulo onde 12 homens com histórico de disfunção erétil, todos os fumantes.

Para que fosse realmente investigado cada caso da melhor forma possível, foram aplicados o teste de ereção farmacológica – quer dizer que fora injetada uma droga no pênis e depois foi observado o resultado.

Todos os participantes responderam de forma positiva o teste, conseguindo obter um ângulo médio de ereção maior do que 105 graus.

Depois de uma semana os mesmos homens retornaram, mas antes de repetir o exame foi pedido que eles fumassem dois cigarros.

Neste caso em 80% deles, o ângulo de ereção despencou para 60 graus o que acaba de não deixar mais dúvidas de que o cigarro pode afetar diretamente o mecanismo de ereção.

Leitura fundamental: Saiba como parar de fumar em 24h (EXCLUSIVO)

Quais são as causas emocionais que podem inibir os mecanismos da ereção?

Com certeza a ansiedade é um dos vilões que bloqueia o mecanismo da ereção. Ela poderá ser desencadeada pelo medo de falhar durante a relação ou até mesmo pela inibição, ou descontrole por estar próximo a uma parceira desejável e especial. Aquela velha história: “você é muita areia para meu caminhão”.

Em mais ou menos que idade o homem pode deixar de ser sexualmente ativo?

Não existe uma idade específica para um homem deixar de ser sexualmente ativo, um homem de 90 anos poderá ter ereções e uma boa vida sexual se sentir motivado, saudável, otimista e bem-disposto.

A impotência está mais ligada a vida que se leva e a forma que se pensa sobre sexo, além de estar ligada diretamente a vida que você leva com a sua parceira e os desejos que você sente por ela.

Anabolizantes causam impotência?

Sim. O uso de anabolizantes por bastante tempo e em doses consideradas altas e errôneas pode causar a impotência sexual ou a disfunção erétil, isso acontece de forma geral após parar de tomar o anabolizante.

Isso pode acontecer de forma permanente ou apenas durante um período, não existe uma forma de prevenir esses efeitos com segurança.

Os esteroides androgênicos anabólicos ou esteroides são hormônios que derivam da testosterona, que é o principal hormônio do homem.

Ele tenho como finalidade aumentar de forma mais rápida a massa muscular do indivíduo. Agora é importante ressaltar que a presença do anabolizante no corpo acaba por bloquear a produção dos hormônios hipofisários, esses que estimulam a testosterona de forma natural no organismo pelos testículos, o acaba por levar alterações nas funções sexuais.

Para finalizar gostaria de indicar um artigo que fala sobre como aumentar o seu pênis de forma natural!

Diego Brasileiro

Conteúdos Exclusivos

Entre com seu melhor e-mail e receba conteúdos que você não encontra de graça por aí:

Desenvolvido por FeedBurner

Sobre o autor

Olá! Me chamo Rodolfo Medeiros e atualmente estudo a mente humana. Sou formado em psicologia e tenho me dedicado a entender comportamentos humanos específicos, a sexualidade e outros temas que iremos abordar aqui. Seja sempre muito bem-vindo aos Fatos Masculinos.

Sobre o Escritor:

Diego Brasileiro

Posts