Fatos Masculinos

Como parar de fumar: Técnicas que vão de fato, te livrar do Vício

como se livrar do vicio do cigarro

Você é fumante, ou conhece pessoas que desejam saber como parar de fumar? Mesmo tentando de tudo não conseguem? Então esse conteúdo completo, simples e objetivo foi feito para você.

Muitas vezes começa somente para aliviar o stress do dia a dia, depois se torna mais frequente por ser legal alivia qualquer tensão aparente, fumar um cigarro ou dois pode ser apenas um ato de diversão, mas o tabagismo começa sem avisar, sem dizer que você terá um completo descontrole.

O Tabagismo, é uma palavra sempre muito em destaque, mas a maioria das pessoas não sabem exatamente o seu sentido.

Se caracteriza como tabagismo, uma doença crônica que é provocada pela dependência de nicotina (componente ativo do tabaco, presente no cigarro), o seu consumo provoca uma dependência forte ao seu usuário e essa dependente aumenta em proporções gigantescas pelo cigarro ser uma droga de valor acessível.

Meu vício! Por que exatamente resolvi escrever este conteúdo?

Me chamo Diego Brasileiro e sou um ex-fumante. Fui viciado no cigarro durante 5 longos anos.

Você pode achar pouco, pois deve fumar a mais tempo, mas para mim, foi uma eternidade.

Apesar de você pensar que talvez conheça mais técnicas do que eu ou que já tentou de tudo, eu posso te falar com toda autoridade que não conhece e que você não tentou de tudo, sinto lhe dizer.

Existem algumas técnicas que são pouco reveladas, mas que irei abordar até o final deste conteúdo.

Saber como parar de fumar precisa de um primeiro “acompanhamento”, querer!

Se você já possui esta vontade, você já está há um passo a frente.

Uma das técnicas infalíveis que irei mostrar para você parar de fumar, me fez parar no mesmo dia que a inclui na minha vida.

Depois desta dica, você jamais voltará a fumar.

Por isso, fique conosco até o final se você acredita que este assunto é sério e que precisa de uma atenção especial.

Sua família está em jogo, sua vida e a vida de seus animais.

Todos à sua volta, dependem que você pare de fumar para poder viverem com mais saúde e qualidade de vida.

Por que o tabagismo é uma doença séria?

problemas fisicos causados pelo cigarro

Quando a pessoa se torna dependente do cigarro (nicotina), ela necessita de doses no seu organismo periodicamente durante o dia para que suas demais tarefas cotidianas sejam desempenhadas normalmente.

No entanto, essa é apenas “a ponta do iceberg” do tabagismo.

De acordo com dados da OMS (Organização Mundial de Saúde) no Brasil, cerca de 23 pessoas morrem a cada hora, vítimas de doenças ligadas ao tabagismo.

Quais as doenças ligadas ao tabagismo?

O tabagismo pode desencadear diversas doenças pulmonares, dentre elas o câncer de pulmão. Além de doenças do sistema respiratório alguns tumores e doenças do sistema cardiovascular também são desencadeadas devido ao fumo.

Como parar de fumar?

como parar de fumar

A decisão de parar de fumar, para uma pessoa que já é viciada, nunca será uma tarefa fácil, então o primeiro passo é realmente ter a compreensão de que o cigarro só traz malefícios para a saúde e assim após a consciência, tomar a iniciativa de realmente para de fumar.

No entanto, existem muitas dicas de técnicas de médicos e especialistas consideram para auxiliar o fumante nesse momento tão decisivo de sua vida. Aqui nós listamos as melhores técnicas que todo fumante deveria saber para começar a parar de fumar.

1. Tome uma decisão consciente

Não adianta você tentar parar somente por influência de sua família, ou de amigos. A decisão precisa ser de dentro para fora. Você precisa estudar, se concentrar para entender que o cigarro só trará malefícios.

No início, a vontade de desistir do vício, junto com a consciência dos efeitos maléficos e a pressão da família farão com que você se sinta motivado e pressionado ao mesmo tempo. Não se deixe abater, tenha foco na sua decisão e permaneça focado nela.

2. Evite o que te recorda o fumo

cafe e cigarro

Geralmente os fumantes sempre possuem alguns locais, ou rotinas específicas que podem induzir ao hábito de fumar. Nesse processo de deixar o fumo de uma vez por todas você deverá evitar qualquer local, atividade ou situação que possa lhe tentar a acender um cigarro e voltar a fumar.

É muito individual as situações que podem lhe trazer recordações da época em que o fumo fazia parte da sua vida. Seja um cafezinho em sua empresa na hora do intervalo, quando chega em casa antes de jantar, depois de um banho relaxante, cada pessoa possui um gatilho específico.

Para literalmente “fugir das tentações do cigarro” você poderá tomar alguns cuidados em sua rotina, escolhemos alguns para funcionar como exemplo:

  • Se você sente vontade de fumar toda vez que toma uma xícara de café, comece a substituir o seu café diário por um achocolatado, um leite ou até mesmo um chá leve. Sem o gosto do café seu cérebro evitará fazer ligações com o seu antigo hábito de fumar.
  • Muitas pessoas ao entrarem no carro logo acendem um cigarro, então, para evitar que o desejo de fumar no carro seja maior que a sua vontade de dizer não, não deixe cigarros dentro do seu carro. Deixe a tentação longe de você.
  • Permanecer em locais em que há proibições de fumantes também é uma opção, já que não terá fumantes ao seu redor, a sua vontade de fumar não será forte o suficiente para fazer você sair do foco.
  • Se você sente agonia durante o dia use uma espécie de efeito placebo para enganar o seu cérebro. Para muitas pessoas, o hábito de mascar chiclete, (ou mastigar confeitos de sabores mais mentolados) é um forte aliado para esquecer do hábito de fumar.
  • Se a sua rotina de fumo for após as refeições, não demore muito para escovar seus dentes e fazer as suas atividades rotineiras logo em seguida. O gosto do creme dental é um ótimo repelente para o desejo de fumar.

3. Substitua o seu desejo pelo cigarro

Principalmente nos primeiros dias, o desejo de fumar será constante, com o passar do tempo ele irá diminuir pouco a pouco, até chegar um determinado momento (o tão sonhado momento) de não sentir mais vontade de colocar nenhum cigarro em sua boca.

Mas até esse momento chegar, você poderá substituir o mau hábito, por um hábito muito mais saudável, o método da substituição ajuda a driblar o desejo do cérebro que irá lhe pedir nicotina. Lembre-se que você domina a sua mente, então, use esses substitutos:

  • Palitos de cenoura crua (pode colocar uma pitada de sal, fica muito saboroso).
  • Frutas em cubinhos (a frutose é um carboidrato natural e muito nutritivo).
  • Mastigar cravinhos ou pequenos pedaços de gengibre além de deixar o hálito fresco, ajuda a esquecer o cigarro.
  • Picolés também ajudam a esquecer a vontade de fumar.

Escolha um desses substitutos e mantenha a todo momento perto de você, nunca se sabe qual será o momento em que o seu organismo irá querer ceder a vontade de fumar.

4. Evite alimentos que estimulem o fumo

É isso mesmo que você acabou de ler, existem alimentos que estimulam a vontade de fumar, e é exatamente deles que você precisa começar uma corrida para bem longe.

Bebidas alcoólicas, gaseificadas e café são bebidas que em geral provocam um desejo maior de fumar, então é importante que elas sejam retiradas (seja parcial ou totalmente) da sua dieta. Mas é claro que você poderá fazer substituições.

Água gelada, água de coco, chás como o de hortelã e o de menta são ótimos aliados para substituir as bebidas que estimulam o consumo do cigarro.

5. Peça apoio de sua família

A família tem um papel de suma importância no momento em que o indivíduo que é viciado em fumar decide deixar o cigarro para trás. Converse antes com eles, exponha as suas maiores dificuldades, os seus receios.

Peça, por exemplo, para aqueles de são fumantes evitarem fumar na sua frente, deixar os cigarros à mostra, ou evitarem cobranças excessivas sobre essa sua nova decisão.

6. Procure orientação profissional

É claro que muitas pessoas conseguem facilmente deixar o vício de fumar, no entanto, procurar ajuda com os profissionais que possuem ampla experiência no cuidado e no tratamento de pessoas que desejam sair do vício lhe fará ter ainda mais força de vontade para não cair em nenhuma tentação de fumar.

Além de médicos, profissionais da psicologia também tem um trabalho excelente de acompanhamento.

7. Procure grupos de apoio

Quando se está no processo de deixar de fumar, é de fundamental importância compartilhar cada avanço e cada dificuldade com pessoas que passam por situações semelhantes (sejam elas mais fáceis ou mais difíceis).

Onde achar grupos de apoio para ex-fumantes?

grupo de apoio para ex fumantes

O SUS (Sistema único de saúde) oferece de forma gratuita tratamentos com profissionais que trabalham em conjunto para ajudar o fumante a deixar o vício completamente para trás.

Antes de ser direcionado para o grupo de apoio, o paciente será avaliado por um profissional da saúde em um encontro individual, para que haja uma conversa sincera sem exposição daquele que deseja parar de fumar.

Depois do encontro individual, o paciente será direcionado para sessões em grupo, estas são realizadas semanalmente em seu primeiro estágio, quando o paciente já se encontra mais firme, os encontros são realizados a cada quinze dias e depois um em cada mês.

Quando iniciado o grupo de apoio, o paciente não para de ter acompanhamento individual, pelo contrário, é exatamente pelo conjunto desses dois encontros que a força de desistir se torna quase inexistente.

Os momentos de partilhas de experiências, dificuldades, técnicas e descobertas para melhorar esse caminho para longe do vício do cigarro são além de prazerosos, lhe mostra como muitas outras pessoas estão na mesma situação que você, mas não desistem, estão lutando a todo o momento.

Pare de fumar com este passo a passo indispensável

pare de fumar de uma vez por todas

Os quatro métodos para se deixar de fumar serão apresentados a seguir:

1. Pare de fumar de uma vez

Nesse método não há uma preparação, uma despedida, nem uma última tragada. Ele é rápido, prático e sem preparação.

É um método arriscado, que em alguns casos há sucesso, no entanto é nesse tipo de método em que a força de vontade será de maior importância.

2. Diminua a quantidade gradualmente

Nesse método, você conseguirá deixar de fumar pouco a pouco, a cada dia, você irá fumar um pouco menos. Afetará a quantidade de cigarros consumidos por você.

Por exemplo: Imagine que você pode dia fume 20 cigarros, durante o dia você terá que distribuir uma quantidade menor para consumo. Se você fumar 15, depois somente 10, depois diminua para cinco, até que finalmente você terminará não tendo cigarro para fumar.

3. Diminua adiando

Nessa técnica de deixar de fumar, você irá trabalhar com o seu relógio biológico. O seu organismo irá dar indícios de que deseja que você coloque nicotina para dentro do seu corpo e nesse momento você irá atrasar o tempo de acender o cigarro e fumar.

Coloque uma meta de cada dia aumentar duas horas. Por exemplo: se você sempre fumava às oito da manhã, passe a fume às dez, e no outro dia ao meio-dia. Dessa forma, você irá desacostumando o seu organismo até chegar o dia de você adiar 24 horas e não fumar nenhum cigarro nesse dia.

Deixar de fumar, é além de um ato de coragem, um ato de amor. Amor pelo seu corpo e sua saúde. Amor pelos seus familiares que desejam que você tenha uma vida sem que haja a presença de doenças causadas pelo cigarro.

Além de você respirar melhor, de aumentar seu condicionamento físico, evitar que as pontas dos dedos e os dentes fiquem amarelados, você irá ter uma maior qualidade de vida.

Decida hoje deixar o hábito de fumar para trás, queira ter uma vida saudável, inclusive pensando na sua possível velhice, para que ela não seja regada por rajadas de medicamentos.

Tenha hábitos saudáveis, além de evitar o fumo, pratique exercícios regularmente e mantenha uma dieta balanceada rica em vitaminas, proteínas e carboidratos. Saia para respirar ar puro, brinque com o seu animal de estimação e viva os pequenos prazeres da vida, você se sentirá uma outra pessoa.

4. Fume cigarros eletrônicos/vaporizadores

cigarro eletronico

Cigarros eletrônicos ou vaporizadores, são aparelhos com uma bateria e que precisam de um líquido conhecido como “Juice”, “Essência” ou “E-liquid”.

Existem vários tipos de cigarro eletrônico, os mais baratos não possuem sabor e são sem graça.

Normalmente os mais caros são excelentes, possuem sabor e dão uma sensação incrível.

Eu parei de fumar através de um cigarro eletrônico desses, na verdade é mais um vaporizador do que um cigarro eletrônico em si.

O aparelho que comprei para parar de fumar foi o Cascade One da Vaporesso, hoje a marca já possui 2 modelos na frente: Cascade One Plus e Cascade One Plus SE.

Eu iria de Cascade One Plus SE, caso eu precisasse parar de fumar hoje.

Outra marca bastante conhecida e que é febre entre blogueiras e pessoas da mídia é o “Jull”.

Este pequeno aparelho ganhou muita fama e hoje é um dos mais vendidos.

Como escolher o modelo de cigarro eletrônico ideal?

Opte por aquele que melhor se adequar a sua realidade e antes de comprar pesquise bem e veja como usar, quanto custará manter e tudo mais.

Essas informações são essenciais, cigarros eletrônicos não são baratos para se fumar todo dia e você precisa saber disto.

Se prepare para gastar no mínimo R$ 700,00 por mês se você fuma cerca de 2 carteiras por dia hoje.

Se você fuma cerca de 1 carteira de cigarro por dia, você gastará por volta de 500 reais, mas isto pode ser bem relativo.

Você encontra líquidos para usar no cigarro eletrônico sem nicotina, com 3 mg de nicotina, com 6 mg, 12 mg e até mais quantidade fora do Brasil.

A quantidade de 3 mg funcionou para mim logo que parei de fumar, pode funcionar para você também, mas sugiro ir diminuindo de 6 mg para 3 mg, depois para sem nicotina.

Alternativa poderosa e barata para parar de fumar de vez

Como o cigarro eletrônico é uma forma cara de trocar o vício.

Apesar de o cigarro eletrônico ser 95% menos, prejudicial do que o cigarro convencional, você ainda coloca ar para dentro do seu corpo e isto é de alguma forma prejudicial.

Se você não acredita em cigarros eletrônicos e quer parar de fumar de vez, existem alguns livros físicos e digitais que irão te ajudar.

Pesquise em algumas lojas na internet e encontre aquele que mais lhe interessar.

Conclusão

Independentemente da maneira que você escolher para parar de fumar, todas essas opções colocadas aqui hoje são comprovadas cientificamente.

Pode se considerar um felizardo por ter lido tudo isto e ter aprendido.

Foram anos de experiência que fizeram médicos e estudiosos da área de psicologia escreverem estes livros acima, então fique tranquilo e adquira aquele que mais lhe agradar.

Bom, então é isto, ficamos por aqui!

Você acabou de ler mais um conteúdo exclusivo do site, Fatos Masculinos, seja sempre bem-vindo.

Diego Brasileiro

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conteúdos Exclusivos

Entre com seu melhor e-mail e receba conteúdos que você não encontra de graça por aí:

Desenvolvido por FeedBurner

Sobre o autor

Olá! Me chamo Rodolfo Medeiros e atualmente estudo a mente humana. Sou formado em psicologia e tenho me dedicado a entender comportamentos humanos específicos, a sexualidade e outros temas que iremos abordar aqui. Seja sempre muito bem-vindo aos Fatos Masculinos.

Sobre o Escritor:

Diego Brasileiro

Posts